Luly

A verdade é que não se sabe ao certo a data em que essa bolinha fofa nasceu, pois ela foi adotada, então escolhemos a data mais próxima feitas por uns cálculos estranhos, e ficou no seu documento o dia 07/07/07, o bom é que foi fácil pra guardar!

Eu não sei como eu posso escrever tudo isso que passa na minha cabeça durante todo esse tempo. Não sei nem ao certo que tipo de post este vai ser. Queria apenas uma forma de exibir o quanto ela é especial na minha vida e em como é companheira e carinhosa. Mas o que mais me fascina é a fofura dessa carinha, o brilho nos olhinhos e esses pelos dourados.

love you ❤ #luletty 1/3

A post shared by Ariane (@_feerica) on

💙 desconfiada #luletty 2/3

A post shared by Ariane (@_feerica) on

🍂#luletty 3/3

A post shared by Ariane (@_feerica) on

É bem provável que eu lote tudo isso de fotos, só a imagem dela na minha mente já me faz transbordar de alegria. Eu poderia fazer uma linha do tempo desde que ela era bem pequenina e nenhuma coleira servia no seu pescoço. Quando eu colocava ela nas minhas palmas da mão e já conseguia abraçar ela toda. E agora está essa bola de pelos imensa, que vive me derrubando da cama e me empurrando do sofá.

Foram muitos desafios no começo, quando ninguém podia deixar seus sapatos pelo chão, e ter cuidado com a ponta do papel higiênico pendurada e o rodo do banheiro. Ela também não dormia no escuro, e ainda continua tendo sua luz acesa todos as noites. E os dias de preocupações das vezes que ela ficou doente e não comia nada, nem os snacks caninos que ela tanto ama. O dia que ela sumiu na rua e apareceu toda machucada e a tarde em que ela foi heroica em salvar minha vó de um ataque de um outro cão na frente de casa. E teve aquela vez em que ela fez coco em baixo da cama da vó e tivemos que limpar. Foram momentos bem marcantes, mas não mais do que os mais simples como todas as manhãs de preguiça dela e as tardes agitadas com brincadeiras e bolinhas. O mais gostoso é sentir que ela está perto de você, não importa o que você esteja fazendo, quando para e olha para o lado e se depara com os olhinhos brilhantes e sua respiração tranquila, do seu lado apenas ela com você sempre.

E hoje se completa 10 anos de Luly!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *